Login processing...

Trial ends in Request Full Access Tell Your Colleague About Jove

5.15: Fagocitose
TABELA DE
CONTEÚDO

JoVE Core
Biology

A subscription to JoVE is required to view this content. You will only be able to see the first 20 seconds.

Education
Phagocytosis
 
TRANSCRIÇÃO

5.15: Fagocitose

As células puxam partículas para o seu interior e incorporam-nas em vesículas esféricas em um processo que requer energia chamado endocitose. A fagocitose (“comedor celular”) é um dos três principais tipos de endocitose. As células usam a fagocitose para receber objetos grandes—como outras células (ou os seus detritos), bactérias e até vírus.

O objetivo da fagocitose é muitas vezes a destruição. As células usam a fagocitose para eliminar visitantes indesejados, como agentes patogénicos (por exemplo, vírus e bactérias). Talvez não seja surpreendente que muitas células do sistema imunitário, incluindo neutrófilos, macrófagos e monócitos, aproveitem a fagocitose para destruir agentes patogénicos ou células hospedeiras infectadas. Além das células do sistema imunitário, amebas, algas e outros organismos unicelulares usam a fagocitose para comer.

A fagocitose começa quando uma partícula (por exemplo, vírus) entra em contacto com a célula engolidora, chamada fagócito. Por vezes, este é um encontro casual. Outras vezes, o fagócito segue um sinal químico para a partícula, em um processo chamado quimiotaxia. O fagócito eventualmente liga-se à partícula ou célula através de receptores superficiais. Diferentes tipos de fagócitos usam receptores distintos para a fagocitose. Esses receptores podem ser gerais, respondendo a uma variedade de estímulos, ou específicos.

O fagócito começa a rodear e engolir a partícula ligada à sua superfície, estendendo zonas do seu citoplasma, chamados pseudópodes, em volta da partícula. Os pseudópodes continuam a cercar a partícula até que ela esteja completamente envolvida e incorporada no citoplasma. Juntos, a partícula e a vesícula envolvente formam um fagossoma.

O fagossoma funde-se então com um lisossoma, formando um fagolisossoma. O lisossoma é um organelo citoplasmático esférico que processa resíduos celulares em um meio altamente ácido. A fusão do fagossoma e do lisossoma faz com que as partículas incorporadas entrem em contacto com enzimas degradativas que neutralizam ou eliminam as partículas. Eventualmente, o fagolisossoma forma um corpo residual contendo lixo que é libertado da célula.


Sugestão de Leitura

Get cutting-edge science videos from JoVE sent straight to your inbox every month.

Waiting X
simple hit counter