Login processing...

Trial ends in Request Full Access Tell Your Colleague About Jove

23.3: Filtração
TABELA DE
CONTEÚDO

JoVE Core
Biology

This content is Free Access.

Education
Filtration
 
TRANSCRIÇÃO

23.3: Filtração

A função dos rins é filtrar, reabsorver, secretar, e excretar. Todos os dias os rins filtram cerca de 180 litros de sangue, inicialmente removendo água e solutos, mas no final devolvendo quase todos os filtrados para a circulação com a ajuda de hormonas osmoregulatórias. Esse processo remove resíduos e toxinas, mas também é crucial para manter os níveis de água e eletrólitos. A maioria dessas funções são realizadas pelos pequenos mas numerosos nefrónios contidos dentro dos rins.

O sangue entra no corpúsculo renal do nefrónio através de um glomérulo de capilares. Os capilares estão rodeados por uma estrutura chamada cápsula de Bowman que absorve água e a maior parte dos solutos do sangue. A pressão sanguínea dos capilares empurra-os para as cápsulas. Se a pressão arterial estiver muito alta, como ocorre na hipertensão, os capilares podem enfraquecer e endurecer, reduzindo a capacidade do rim de filtrar o sangue.

O filtrado dos corpúsculos esvazia para os túbulos contorcidos proximais e para as porções descendentes da Ansa de Henle. Aqui, quase 70% dos solutos—sal, glicose, aminoácidos e bicarbonatos—são reabsorvidos para os capilares circundantes. As hormonas sanguíneas circulantes envolvidas na osmoregulação induzem a reabsorção de sódio, cálcio, ou mais água se necessário para aumentar ou diminuir a pressão arterial e regular eletrólitos.

Secreções dos vasos removem quaisquer resíduos remanescentes do sangue para os túbulos contorcidos distais dos nefrónios. Resíduos nitrogenados como creatinina e ureia são secretados, bem como iões de potássio e amoníaco. Para ajustar o pH sanguíneo, iões de hidrogénio e bicarbonato também podem ser removidos para os túbulos distais. A partir daqui, o filtrado restante, ou urina, é recolhido pela pélvis renal e excretado dos rins através do ureter.

Em animais hibernantes, como ursos e esquilos terrestres, a produção de urina é reduzida ou parada completamente para conservar a água durante um período em que nenhum alimento ou água é ingerido. No seu estado hipotérmico, os vasos renais constringem e impedem o fluxo de sangue para o glomérulo. Isso interrompe a função renal até que o animal emerja da hibernação.


Sugestão de Leitura

Get cutting-edge science videos from JoVE sent straight to your inbox every month.

Waiting X
simple hit counter