Login processing...

Trial ends in Request Full Access Tell Your Colleague About Jove

27.6: O que são Ciclos Biogeoquímicos?
TABLE OF
CONTENTS

JoVE Core
Biology

A subscription to JoVE is required to view this content. You will only be able to see the first 20 seconds.

Education
What are Biogeochemical Cycles?
 
TRANSCRIPT

27.6: What are Biogeochemical Cycles?

27.6: O que são Ciclos Biogeoquímicos?

The most common elements in organic molecules, carbon, hydrogen, oxygen, nitrogen, sulfur, and phosphorus, are only available in the ecosystem in limited amounts. Therefore, these nutrients must be recycled through both biotic and abiotic components of the ecosystem, in processes generally called biogeochemical cycles.

Biogeochemical Cycles and Decomposition

The matter that makes up living organisms, like water, carbon, nitrogen, sulfur and phosphorous, exist in limited quantities within the ecosystem and must be conserved and recycled. This matter can take a variety of chemical forms and spend extended periods of time in the atmosphere, on or underneath the land, and in aquatic environments. A key component in the breakdown and recycling of nutrients in the ecosystem is decomposition, which is influenced by temperature, moisture, and nutrient availability. For example, organic material is decomposed much faster in rainforests compared to temperate environments, which have lower temperatures and more seasonal climates.

Human Activity

Human activities can also play a major role in altering the balance of biogeochemical cycles. For example, in 2011, Lake Erie experienced the largest harmful algal bloom in its recorded history. This was a result of the agricultural addition of phosphorus over many years, coupled with changes in local weather patterns. The excessive nutrient levels––called eutrophication––promoted the growth of two toxic cyanobacteria species, Microcystis and Anabaena.

Os elementos mais comuns em moléculas orgânicas, carbono, hidrogênio, oxigênio, nitrogênio, enxofre e fósforo, só estão disponíveis no ecossistema em quantidades limitadas. Portanto, esses nutrientes devem ser reciclados através de componentes bióticos e abióticos do ecossistema, em processos geralmente chamados de ciclos biogeoquímicos.

Ciclos biogeoquímicos e decomposição

A matéria que compõe organismos vivos, como água, carbono, nitrogênio, enxofre e fósforo, existem em quantidades limitadas dentro do ecossistema e devem ser conservadas e recicladas. Este assunto pode tomar uma variedade de formas químicas e passar longos períodos de tempo na atmosfera, dentro ou debaixo da terra, e em ambientes aquáticos. Um componente-chave na decomposição e reciclagem de nutrientes no ecossistema é a decomposição, que é influenciada pela temperatura, umidade e disponibilidade de nutrientes. Por exemplo, o material orgânico é decomposto muito mais rápido em florestas tropicais em comparação com ambientes temperados, que têm temperaturas mais baixas e climas mais sazonais.

Atividade Humana

As atividades humanas também podem desempenhar um papel importante na alteração do equilíbrio dos ciclos biogeoquímicos. Por exemplo, em 2011, o Lago Erie experimentou a maior floração alga prejudicial de sua história registrada. Isso foi resultado da adição agrícola de fósforo ao longo de muitos anos, juntamente com mudanças nos padrões climáticos locais. Os níveis excessivos de nutrientes , chamados eutroficação , promoveram o crescimento de duas espécies tóxicas de cianobactérias, Microcistis e Anabaena.


Suggested Reading

Get cutting-edge science videos from JoVE sent straight to your inbox every month.

Waiting X
simple hit counter